Liga Pomerodense De Desportos
 Usuário: Senha:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS  
07/04/2021
 
..................................................
06/04/2021
 
..................................................
30/03/2021
 
..................................................
 
ATLETISMO
 
  2020 -10 DEZ - TROFÉU BRASIL ADULTO ATLETISMO ..
Sensação de dever cumprido
     Duda Barth estreia no Troféu Brasil de Atletismo com um bom resultado, comemorado por todos.
     Por Jornal de Pomerode/Esporte - Publicado em 19/12/2020 11:19
     Foto: Divulgação
     Pomerode esteve presente, no último fim de semana, em mais uma competição nacional. Trata-se do Troféu Brasil Caixa de Atletismo, realizado entre os dias 10 e 13 de dezembro, no estádio do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, na Vila Clementino, em São Paulo.
     Em um ano completamente comprometido pela pandemia da Covid-19, a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) comemorou o fato de realizar a principal competição interclubes da América Latina, com a presença de 770 atletas, de 126 clubes, representando 23 Estados e o Distrito Federal, o que revela a força do esporte numa temporada tão atípica. A cidade mais alemã do Brasil foi representada pela atleta Duda Barth e pelo treinador Odair dos Santos, o popular Chico. Duda competiu na modalidade do Arremesso do Peso e fez a marca de 13,58m, conquistando a quinta colocação. “A competição contou com vários atletas de nível Olímpico. Por isso, mesmo que a medalha não tenha vindo, o resultado mostra que o nosso trabalho tem dado certo. Mesmo que esse ano tenha sido atípico, conseguimos colocar nossos atletas entre os melhores do País”, destaca o treinador. Sabemos que o caminho até a medalha necessita de muita evolução e mais alguns anos de treinamento. Mas, tenho certeza que, com o talento dela e o trabalho realizado, poderemos chegar a este patamar. Ainda segundo Chico, como Duda tem pouco tempo de treinamento, o seu desempenho ficou dentro do esperado. “Na classificação final, à sua frente ficaram competidores de nível Olímpico. Este foi o seu segundo ano no Atletismo e ela voltou de lesão. Mesmo assim, conseguimos tratar e colocá-la entre os melhores do Brasil. Sabemos que o caminho até a medalha necessita de muita evolução e mais alguns anos de treinamento. Mas, tenho certeza que, com o talento dela e o trabalho realizado, poderemos chegar a este patamar”.Esta foi a primeira vez de ambos no Troféu Brasil Caixa. “Nunca tinha ido, nem como atleta, portanto, posso garantir que foi uma experiência incrível, poder estar no meio de tantos atletas de nível altíssimo. Por isso, agradeço a todos que nos apoiam, Funpeel e patrocinadores, que dão a oportunidade de levar o nome de Pomerode além de nossas fronteiras”, finaliza.


Presidência
 
Diretoria
 
Agenda
 
ANUNCIO