ÚLTIMAS NOTÍCIAS  
19/04/2018
 
..................................................
18/04/2018
 
..................................................
17/04/2018
 
..................................................
 
DIRETORIA :: LEIS
 
  2011 - Regulamento 3º Campeonato Municipal Futebol 7 Society Veteranos
3º Campeonato Municipal de Veteranos
     Futebol 7 Society – FUNPEEL/LPD
     REGULAMENTO TÉCNICO 2011
     1. COMPETIÇÃO:
     1.1. A competição é organizada pela Prefeitura Municipal de Pomerode através
     dos departamentos técnicos da Fundação Promotora de Eventos, Esportes e Lazer de
     Pomerode – FUNPEEL e da Liga Pomerodense de Desportos – LPD.
     1.2. O 3o CAMPEONATO MUNICIPAL DE VETERANOS FUTEBOL 7
     SOCIETY – FUNPEEL/LPD será disputado pelas regras internacionais do Futebol 7
     Society, regidas pela Confederação Brasileira de Futebol 7 Society.
     1.3. Os jogos serão realizados em campos definidos em comum acordo, entre
     clubes, FUNPEEL e LPD. Os jogos serão realizados às quartas-feiras e sextas-feiras,
     sendo que o horário de início da primeira partida da rodada será às 19:00 horas,
     com tolerância de 15 (quinze) minutos somente para o primeiro jogo de cada
     rodada.
     1.4. Em caso de suspensão de uma rodada, ou partida, por motivo qualquer a
     rodada será transferida automaticamente para datas reservas, definidas em
     congresso técnico no dia 07/07/11. Nas rodadas de quarta-feira a data reserva é
     quinta-feira e nas rodadas de sexta-feira a data reserva é segunda-feira.
     1.5. O cancelamento da partida por parte da comissão organizadora da
     competição só poderá acontecer até as 15 horas do dia da rodada, a partir daí a
     decisão caberá ao árbitro.
     1.6. O mandatário da partida ou rodada será responsável pelas medidas de
     ordem indispensáveis à segurança no estádio, no campo de jogo e à normalidade do
     trabalho da arbitragem e demais envolvidos na realização da competição.
     1.7. A competição inicia no dia 24/08/11.
     2. INSCRIÇÕES:
     2.1. A confirmação da equipe se efetivará com a assinatura do termo de
     confirmação de participação, devidamente protocolado na LPD.
     2.2. A ficha de inscrição com a relação de atletas (em duas vias) e a cópia do
     RG ou CNH deverá ser protocolada até ás 19 horas do dia 11/08/11, na sede da Liga
     Pomerodense de Desportos - LPD.
     2.3. Poderão participar do 3o CAMPEONATO MUNICIPAL DE VETERANOS
     FUTEBOL 7 SOCIETY – FUNPEEL/LPD somente pessoas que:
     2.3.1. Tenham idade igual ou superior a 38 anos (nascidos em 1973, 1972,
     1971...).
     2.3.2. Poderão compor cada equipe somente dois atletas que disputaram o
     Campeonato Regional Adulto Federado da LPD, sendo que os mesmo possuam idade
     igual ou superior a 40 anos (nascidos em 1971, 1970, 1969...).
     2.3.3. Os atletas deverão estar residindo e terem domicilio eleitoral em
     Pomerode até o dia 28/07/11, sendo que a comprovação é de responsabilidade do
     coordenador de cada equipe.
     2.3.4. Só será aceito declaração de moradia somente se for assinado e
     reconhecido em cartório.
     3. CONGRESSO TÉCNICO:
     3.1. Serão realizados 02 (dois) congressos técnicos.
     3.1.1. Congresso Técnico Preliminar 07/07/11 às 19 horas na LPD, nesta data
     foi discutido o regulamento e cronograma de datas.
     3.1.2. Congresso Técnico Definitivo 28/07/11 às 19 horas na LPD, nesta data
     será confirmado à participação das equipes e definida a tabela da competição.
     4. UNIFORME:
     4.1. As equipes deverão estar completamente uniformizadas para poder
     participar da partida. Compreende-se por uniforme completo: camisa numerada da
     mesma cor, calção da mesma cor (numerado ou não), se numerado este deverá
     possuir o mesmo número da camisa, meia da mesma cor e tênis para futebol suíço
     ou tênis normal aprovado pela arbitragem.
     4.1. O capitão da equipe deverá estar devidamente identificado com a faixa de
     capitão (braçadeira).
     4.2. Todos os atletas, inclusive no banco de reservas devem estar
     uniformizados, salvo comissão técnica, sendo que os membros da comissão técnica
     não poderão usar: Short, Camisa regata e calçado Aberto (Chinelo).
     4.3. Em caso das equipes estarem com a camisa da mesma cor, o mandatário
     do jogo é a equipe que estiver do lado esquerdo da tabela e a mesma deverá
     providenciar a troca da camisa.
     4.4. O atleta não poderá usar nada que seja perigoso para os demais, ficando
     a critério de o árbitro vetar qualquer objeto que não pertença ao uniforme de jogo
     (brinco, pulseira, piercing, etc.).
     4.5. A responsabilidade do uso correto do uniforme será do técnico e do
     capitão da equipe, com a devida autorização da arbitragem.
     5. COMPOSIÇÕES DAS EQUIPES:
     5.1. As equipes serão compostas por 07 (sete) jogadores, um dos quais
     obrigatoriamente será o goleiro. O número máximo de atletas inscritos por equipe é
     15 (quinze) e o mínimo é 12 (doze) e todos os atletas poderão constar em sumula.
     5.2. A equipe não poderá iniciar a partida com o número inferior a 07 (sete)
     jogadores. Caso não houver quantidade mínima exigida para o início da partida será
     considerado WxO. Sendo que o arbitro deverá elaborar o relatório dos fatos e
     encaminhar ao Departamento Técnico da LPD para as providências cabíveis.
     5.3. Se em qualquer momento do jogo uma equipe ficar com 03 (três) atletas,
     seja por expulsão, contusão de atleta, cumprimento de penalidade, a partida deverá
     ser encerrada e considerada vencedora a equipe adversária.
     5.4. Em caso de uma partida paralisada por qualquer motivo, exceto pelo
     artigo (5.3.), somente será considerada válida a partir do momento em que ¾ (12
     minutos e 31 segundos do 2º tempo), já estiverem sidos realizados a partida será
     dada como encerrada, sendo que o arbitro deverá elaborar o relatório dos fatos e
     encaminhar ao Departamento Técnico da LPD para as providências cabíveis.
     5.5. A equipe que tiver o número mínimo exigido para iniciar uma partida,
     estiver em campo e recusar-se a jogar será considerado W.O, sendo que o arbitro
     deverá elaborar o relatório dos fatos e encaminhar ao Departamento Técnico da LPD
     para as providências cabíveis.
     5.6. Ocorrendo um W.O. em uma partida, a equipe será julgada pela
     COMISSÃO DISCIPLINAR DE JUSTIÇA DESPORTIVA, em conformidade com o CBJD
     (Código Brasileiro de Justiça Desportiva).
     5.7. O placar da partida que tiver WxO será de 3x0 (três a zero) contra o
     infrator, em conformidade com o CBJD.
     6. SUBSTITUIÇÕES:
     6.1. O número de substituições é livre e volante, e fica a critério do técnico
     e/ou capitão quando for o caso.
     6.2. As substituições “deverão” ser efetivadas dentro da área de substituição
     em frente à mesa do representante (cinco metros demarcados por duas linhas
     paralelas). O atleta que será substituído, somente poderá sair do campo por esta
     área, bem como, o substituto entrar pela mesma e com autorização do arbitro ou
     representante.
     6.3. Todo atleta que cair no campo de jogo e tiver que sair para ser atendido,
     o mesmo somente poderá retornar ao campo, quando a sua equipe tiver a posse de
     bola e com a devida autorização do arbitro.
     6.4. Somente será aceita a substituição fora desta área, se o atleta estiver
     lesionado e não poderá deslocar-se até o local específico para substituição, com a
     devida autorização do árbitro.
     6.5. As substituições efetuadas no intervalo do jogo deverão ser informadas ao
     arbitro ou ao anotador, antes do início do 2º tempo pelos jogadores a serem
     substituídos, devendo sua entrada em campo ser na área de substituição.
     7. FALTAS E PENALIDADES:
     7.1. Após a 7ª falta coletiva por equipe, será cobrado tiro penal, conforme
     marca no campo de jogo do time infrator (marca do pênalti). No término do primeiro
     tempo as faltas serão zeradas, e quando houver prorrogação as faltas cometidas no
     segundo tempo de jogo, serão válidas para prorrogação no seu tempo integral.
     7.2. Todas as faltas serão cobradas em tiro livre direto.
     7.3. Todos os atos que venham a ser praticados dentro e fora de campo,
     uniformizado ou não, no decurso da competição, e que venham a tornarem-se
     inconvenientes, serão analisados pelo Departamento Técnico da LPD, através do
     relatório dos fatos elaborado pela arbitragem, ficando seus autores sujeitos às
     penalidades previstas neste regulamento e no CBJD.
     7.4. Poderão ficar no banco de reservas os seguintes dirigentes: Técnico,
     Auxiliar técnico e massagista, devidamente identificados perante o Representante da
     LPD.
     Obs.: É proibido uso de calçados abertos e chinelos por dirigente e atletas que estão
     no banco de reservas.
     8. CARTÕES:
     8.1. CARTÃO AMARELO - O atleta advertido só poderá retornar a partida, ou
     ser substituído, após 02 (dois) minutos CRONOMETRADOS DE BOLA EM JOGO,
     permanecendo no banco de reservas até ser informado de seu retorno e receber
     autorização do árbitro. Observação: caso o atleta receba cartão amarelo por
     colocar a mão na bola o mesmo deverá permanecer dois minutos cronometrados
     fora, sendo que o mesmo poderá ser substituído no ato da infração por outro atleta.
     8.1.1. 03 (três) cartões amarelos suspendem automaticamente o atleta da
     próxima partida.
     8.1.2. Cartões amarelos recebidos na 1ª fase não serão eliminados (zerados)
     para a fase seguinte, nem mesmo, no caso de comum acordo.
     8.2. CARTÃO AZUL - O atleta estará desqualificado da partida, não podendo
     retornar ao campo e nem permanecer no banco de reservas, podendo ser
     substituído após 02 (dois) minutos CRONOMETRADOS DE BOLA EM JOGO, devendo
     o seu substituto permanecer no banco de reservas até que seja informado do final
     da punição e receber autorização do árbitro para entrar em campo.
     8.2.1. 02 (dois) cartões azuis suspendem automaticamente o atleta da
     próxima partida.
     8.3. CARTÃO VERMELHO - O atleta estará expulso do jogo, devendo retirarse
     do campo e não poderá ser substituído.
     8.3.1. O atleta cumprindo a punição por cartão amarelo no banco de reservas,
     se expulso, poderá ser substituído.
     8.3.2. O atleta, quando expulso no intervalo da partida, poderá ser
     substituído.
     8.3.3. O atleta que reincidir a infração passível de punição por cartão amarelo,
     quando já advertido, deverá ser expulso (cartão vermelho).
     8.3.4. Aos componentes do banco de reservas serão aplicados os seguintes
     cartões disciplinares: AMARELO para advertência e VERMELHO para expulsão.
     8.3.5. A cada cartão vermelho recebido o atleta terá que cumprir 01 (um) jogo
     de suspensão automática e será analisado pelo Departamento Técnico da LPD, para
     demais providências cabíveis.
     9. COMISSÃO DISCIPLINAR DE JUSTIÇA DESPORTIVA:
     9.1. A COMISSÃO DISCIPLINAR DE JUSTIÇA DESPORTIVA atuará em
     conformidade com o CBJD.
     Taxa de recurso: R$ 200,00 (Duzentos reais) recolhidos através de cheque nominal
     à LPD.
     10. ARBITRAGEM:
     10.1. A escala da arbitragem para a competição será de responsabilidade da
     Comissão de Arbitragem da LPD.
     10.2. O Anotador é responsável pela marcação das faltas coletivas, assim
     como o placar do jogo e a cronometragem dos cartões.
     11. GERAL:
     11.1. Cada partida terá duração de 50 (cinqüenta) minutos, divididos em dois
     tempos de 25 (vinte e cinco) minutos com intervalo de 5 (cinco) minutos.
     11.2. Os jogadores, técnicos, auxiliares técnicos e massagistas deverão
     apresentar carteira de identificação antes do início da partida. Ficando a cargo do
     técnico ou capitão da equipe entregar as mesmas ao anotador 30 (trinta) minutos
     antes do jogo e no final da partida, solicitar a sua devolução. Serão aceitos como
     carteira de identificação: RG, CNH, Carteira de Trabalho, Carteira profissional (Cref,
     CRM, CREA, Etc.) e Passaporte, os mesmos deverão ser originais. A não
     apresentação dos documentos descritos veta a participação do atleta ou dirigente no
     jogo. Caso ainda participe do jogo, o time do mesmo perderá 03 (três) pontos, após
     julgamento pela Junta de Justiça Desportiva, em conformidade com o CBJD.
     Observação: Por força de legislação deverá ser aceito Xerox autenticado em
     cartório.
     11.3. O aquecimento não poderá de forma alguma atrasar o início da partida.
     12. FORMA DE DISPUTA:
     12.1. Primeira Fase (fase classificatória) - será disputado em turno único, onde
     as equipe irão jogar entre si, classificando as seis equipes melhores colocadas,
     sendo que o 1º e o 2º lugar irão se classificar direto para a fase semifinal e o 3º, 4º,
     5º e 6º colocados se classificam para as quartas de finais.
     12.2. Segunda Fase (quartas de finais) - será disputado em turno único, onde
     as equipe irão jogar da seguinte forma o 3º X 6º e o 4º X 5º, sendo que os
     vencedores destes confrontos se classificam para a fase semifinal.
     12.3. Terceira Fase (semifinais) - será disputado em turno único, onde as
     equipe irão jogar da seguinte forma:
     2º colocado geral irá enfrentar o vencedor do jogo entre o 3º X 6º;
     1º colocado geral irá enfrentar o vencedor do jogo entre o 4º X 5º.
     12.4. Quarta Fase (finais) - será disputada em turno único, onde as equipe
     irão jogar da seguinte forma:
     Disputam o 3º e 4º lugar as equipes perdedoras da fase semifinal;
     Disputam o 1º e 2º lugar as equipes vencedoras da fase semifinal.
     12.5. Em caso de empate nas quartas de finais, semifinais e finais da
     competição, a decisão será por pênaltis. Sendo 3 (três) pênaltis para cada equipe e
     permanecendo o empate, a cobrança dos pênaltis será alternada até que se indique
     um vencedor da partida.
     12.6. Qualquer atleta registrado em súmula pode executar as penalidades, não
     havendo obrigatoriedade de troca para as cobranças.
     12.7. O atleta cumprindo punição por cartão disciplinar não pode executar as
     penalidades, nem mesmo permanecer no campo de jogo durante as cobranças.
     13. PONTUAÇÃO:
     13.1. A pontuação das partidas ficará assim distribuída:
     o 03 PONTOS – VITÓRIA.
     o 01 PONTO – EMPATE.
     o 00 PONTO – DERROTA.
     14. CRITÉRIOS DE DESEMPATE:
     14.1. Em caso de empate entre DUAS EQUIPES dentro na fase classificatória
     o critério a ser usado para desempate será:
     14.1.1. Confronto Direto;
     14.1.2. Maior número de vitórias;
     14.1.3. Menor número de gols sofridos;
     14.1.4. Maior número de gols marcados;
     14.1.5. Saldo de gols;
     14.1.6. Menor número de cartões vermelhos;
     14.1.7. Menor número de cartões azuis;
     14.1.8. Menor número de cartões amarelos;
     14.1.9. Sorteio.
     14.2. Entre TRÊS OU MAIS EQUIPES:
     14.2.1. Maior número de vitórias;
     14.2.2. Menor número de gols sofridos entre si;
     14.2.3. Maior número de gols marcados entre si;
     14.2.4. Saldo de gols;
     14.2.5. Menor número de cartões vermelhos;
     14.2.6. Menor número de cartões azuis;
     14.2.7. Menor número de cartões amarelos;
     14.2.8. Sorteio.
     15. PREMIAÇÃO:
     15.1. A premiação será ofertada pela FUNPEEL.
     15.2. Troféu para artilheiro e goleiro (defesa) menos vazado.
     15.3. Troféu e medalhas para a equipe 1o, 2o e 3o colocados;
     15.3. Medalha para os destaques da partida final. Será um destaque de cada
     equipe.
     16. RESPONSABILIDADES DOS MANDATÁRIOS:
     16.1. Marcar o campo de jogo.
     16.2. Disponibilizar dois gandulas, junto à mesa do Anotador da LPD.
     16.3. Providenciar água mineral para a arbitragem.
     16.4. Disponibilizar 01 (um) segurança o mesmo deverá apresentar o seu RG
     ou CNH, ficando à disposição da arbitragem.
     16.5. Providenciar 02 bolas em condições de jogo, aprovadas pela arbitragem.
     A bola oficial do campeonato é a bola Penalty Society Brasil Pró.
     16.6. Cada equipe deverá apresentar 01 (uma) bola na mesa do anotador da
     LPD para o inicio da partida, sendo que a mesma deverá ficar na mesa até o término
     da partida, e se necessário for, será utilizada para o andamento da partida.
     16.7. A comissão organizadora irá enviar duas bolas com a arbitragem.
     17. DISPOSIÇÕES FINAIS:
     17.1. Os casos omissos no presente regulamento serão analisados pelo
     Departamento Técnico da LPD para um parecer, e se necessário for, será
     encaminhado à Comissão de Justiça Disciplinar para a decisão final.
     17.2. As normas não descritas neste regulamento serão obedecidas, conforme
     critérios estabelecidos pela CBF7S (Confederação Brasileira de Futebol 7 Society).
     17.3. Este regulamento foi homologado pelas Equipes, LPD e FUNPEEL, em
     Congresso Técnico no dia 07/07/11 às 19 horas na sede da Liga Pomerodense de
     Desportos.
     Equipes Coordenador Fone E-mail
     Botafogo Jürgen 8425-5000 jk@fiedler.com.br
     Buregas Eurides carla.baehr@gmail.com
     Caramuru Paulo 3281-2808
     9611-4847
     rudolph@manadobrasil.com.br
     Formigueiro Marcos (Nego) marcoswt5@yahoo.com.br
     Grêmio Wunderwald
     Ari
     3387-2848
     3387-7228
     9193-5072
     maicon_augusto@hotmail.com
     michele_karling@hotmail.com
     Netzsch Sandro Rauh 3387-8222 sandro.rauh@ndb-netzsch.com.br
     Traíras Marinho 3387-4314 marinhosports@terra.com.br
     Pomerode/SC, 07 de julho de 2011.
     A Comissão Organizadora.

02/09/2011

Presidência
 
Diretoria
 
Agenda
 
ANUNCIO