ÚLTIMAS NOTÍCIAS  
15/08/2018
 
..................................................
14/08/2018
 
..................................................
15/08/2018
 
..................................................
 
DIRETORIA :: LEIS
 
  Copa Pomerode Futebol Adulto Masculino 2016 - Troféu Valcides Pedrini
REGULAMENTO TÉCNICO - 2016
     1. COMPETIÇÃO
     1.1. A competição é organizada pela PREFEITURA MUNICIPAL DE POMERODE através da FUNDAÇÃO PROMOTORA DE EVENTOS, ESPORTES E LAZER – FUNPEEL. A arbitragem e o gerenciamento técnico-administrativo será realizado pela LIGA POMERODENSE DE DESPORTOS – LPD.
     1.1.1 Participam da Copa Pomerode de Futebol – FUNPEEL/LPD 2016 as seguintes equipes:-
      - A.D.C. VERA CRUZ POMERODE – STA.CATARINA;
      - CARAMURU E.C POMERODE – STA.CATARINA;
      - A.E. FLORESTA POMERODE - STA. CATATINA;
      - C.E.R. BOTAFOGO POMERODE – STA.CATARINA;
      - C.A. POMERODENSE POMERODE – STA.CATARINA;
      - A.E.R FLAMENGO F.C RIO DOS CEDROS – STA.CATARINA.
     1.2. A Copa Pomerode de Futebol – FUNPEEL/LPD 2016 será disputada pelas regras e normas designadas por este regulamento, definido em comum acordo entre a organização, equipes participantes, também pelas regras e normas do Futebol, regidas pela Federação Catarinense de Futebol e pela Confederação Brasileira de Futebol.
     1.3. O campeonato tem como objetivo proporcionar a prática do futebol para pessoas com domicílio eleitoral em Pomerode e convidados de outras localidades.
     1.4. Os jogos serão realizados em campos definidos em comum acordo, entre Clubes, FUNPEEL e LPD. Os jogos serão realizados aos Domingos à tarde conforme a tabela, com o início previsto para as 15:15 horas, com tolerância máxima de 15 minutos.
     1.5. O cancelamento da partida ou rodada por parte da comissão organizadora do campeonato poderá ser feito até às 16 horas da sexta-feira que antecede a partida, a partir daí a decisão caberá aos árbitros. No caso de suspensão de uma rodada, a mesma será realizada na semana seguinte, sendo que as próximas rodadas serão automaticamente transferidas para as semanas seguintes.
     1.6. A competição inicia no dia 03/07/2016.
     1.8. Devido a Prefeitura Municipal de Pomerode através da FUNPEEL estarem subsidiando as taxas de arbitragem, fica definido que é expressamente proibido cobrar ingressos nos jogos da Copa Pomerode de Futebol – FUNPEEL/LPD 2016

     2. INSCRIÇÕES
     2.1. Poderão participar da Copa Pomerode de Futebol – FUNPEEL/LPD 2016 somente atletas que tenham transferido o domicílio eleitoral para Pomerode até o dia 31/12/2015.
      ÚNICO: Para a inscrição dos membros da comissão técnica, os mesmos deverão preencher a respectiva ficha cadastral e anexar a cópia do RG ou CNH. Somente poderão ficar no banco de reservas os membros da comissão técnica que estiverem devidamente inscritos na competição.
     2.1.1. A equipe convidada de outro município (Flamengo – Rio dos Cedros) poderá inscrever até 19 (dezenove) atletas, com domicílio eleitoral do seu município até o dia 31/12/2015.
     2.2. Todas as equipes poderão inscrever até 6 (seis) atletas com domicilio eleitoral de outra cidade. Esses serão considerados atletas de “fora” e deverão estar dentro dos 25 (vinte e cinco) atletas totais de cada equipe.
     2.3. Conforme definido em reunião, os membros da comissão técnica que também estão inscritos como atletas na competição, poderão somente assinar como membro da comissão técnica ou como atleta, os mesmos não poderão ter duas funções no mesmo jogo. Se os mesmos tiverem que cumprir suspensão, a suspensão será válida, tanto como membro da comissão técnica, quanto como atleta.
     2.4. Cada equipe poderá inscrever no máximo 25 atletas, sendo que, a inscrição para a 1ª Rodada da competição deverá ser protocolada até o dia 28/06/2016 (terça-feira), até 16:00, com no mínimo 11 atletas. Poderão ser inscritos atletas até na sexta-feira, às 16 horas, que antecede a 5ª Rodada da Competição (máximo 25 atletas), conforme tabela oficial. Para a comissão técnica poderão ser inscritos, um técnico, um auxiliar técnico, um preparador físico e um massagista.
     2.5. Para participar do campeonato a idade mínima dos atletas será de 17 (dezessete) anos, nascidos em 1999. Os atletas que não possuírem título de eleitor por serem menor de idade, ou seja, os atletas que não completaram 18 (dezoito) anos até a data da inscrição (não é obrigatório), mas terão que apresentar o título eleitoral dos pais ou responsável, e uma autorização assinada pelos pais ou responsável, obedecendo à data limite de transferência que é dia 31/12/2015.
     2.6. Para confirmação e efetivação da inscrição na Copa Pomerode de Futebol – FUNPEEL/LPD 2016, a equipe deverá preencher a ficha de inscrição e anexar cópia do titulo eleitoral, protocolando na sede da LPD até o dia 28/06/2016 (terça-feira) até as 16:00 horas.
     2.7. Qualquer substituição de inscrição de jogador, somente será permitida com a apresentação de um atestado médico, que impossibilite o jogador para a prática desportiva por pelo menos 30 dias.

     3. UNIFORME
     3.1. As equipes deverão estar completamente uniformizadas para poder participar da partida. Compreende-se por uniforme completo: camisa numerada da mesma cor, calção da mesma cor (numerado ou não), se numerado, com o mesmo número da camisa, meia da mesma cor, caneleiras e a chuteira sem travas de alumínio.
     3.2. O capitão da equipe deverá estar devidamente identificado com a faixa de capitão (braçadeira).
     3.3. Todos os atletas, inclusive no banco de reservas devem estar uniformizados, salvo comissão técnica, sendo que os membros da comissão técnica não poderão usar: Camisa regata e calçado Aberto (Chinelo).
     3.4. Em caso das equipes estarem com a camisa da mesma cor, o mandatário do jogo é a equipe que estiver do lado esquerdo da tabela e o mesmo deverá providenciar a troca da camisa.
     3.5. O atleta não poderá usar nada que seja perigoso para os demais, ficando a critério do árbitro vetar qualquer objeto, que não pertença ao uniforme de jogo (brinco, pulseira, piercing, etc.).
     3.6. A responsabilidade do uso correto do uniforme será do técnico e do capitão da equipe, com a devida autorização da arbitragem.

     4. COMPOSIÇÕES DAS EQUIPES
     4.1. As partidas serão disputadas por equipes compostas por 11 (onze) jogadores, um dos quais obrigatoriamente será o goleiro. O número máximo de atletas inscritos por equipe é 25 (vinte cinco), um técnico, um auxiliar técnico, um preparador físico e um massagista, devidamente inscritos na competição.
     4.2. Durante a partida cada equipe poderá fazer 6 (seis) substituições.
     4.3. Os atletas, técnico, auxiliar técnico, preparador físico e massagista deverão apresentar documentos originais com foto, antes do início da partida. Serão aceitos como carteira de identificação: RG, CNH, Carteira de Trabalho, CREF, CRM, CREA e Passaporte.

     5. FORMA DE DISPUTA
     5.1. A partida terá dois períodos com 45 minutos cada e com 15 minutos de intervalo.
     5.2. O campeonato será disputado em três fases.
     5.2.1. Primeira Fase (Classificatória) – será disputada em turno único classificatório entre as seis equipes participantes. As quatro equipes melhor classificadas, passam direto para a semifinal, onde se enfrentam em jogos de ida e volta para definição das duas equipes finalistas, e as duas equipes pior classificadas serão eliminadas da competição.
     5.2.2. Segunda Fase (Semi Final) – será disputada em jogos de ida e volta (1º x 4º e 2º x 3º). No caso de uma vitória para cada equipe ou dois empates, não haverá saldo de gols. Serão acrescentados dois períodos de 15 minutos de prorrogação. Após a prorrogação, não havendo um vencedor, será considerada finalista, a equipe com a melhor campanha na primeira fase da competição, à qual jogará a partida de volta em casa.
     5.2.3. Terceira Fase (Final) - será disputada em jogos de ida e volta, entre os vencedores da Semi Final. No caso de uma vitória para cada equipe ou dois empates, não haverá saldo de gols. Serão acrescentados dois períodos de 15 minutos de prorrogação. Após a prorrogação, não havendo um vencedor, será considerada campeã a equipe, com a melhor campanha na primeira fase da competição, à qual jogará a partida de volta em casa.
     5.2.4 O terceiro e o quarto lugar da competição será definido pela classificação final dos times finalistas. O time que perder na semifinal para o time que vier a se tornar o campeão será o terceiro colocado, e o time que perder na semifinal para o vice-campeão será o quarto colocado da competição.

     6. PONTUAÇÃO
     6.1. A pontuação das partidas ficará assim distribuída:
     a) Vitória – 3 pontos;
     b) Empate – 1 ponto;
     c) Derrota – 0 ponto.

     7. CRITÉRIOS DE DESEMPATE:
     Entre duas equipes:
     7.1. Confronto direto;
     7.2. Maior número de vitórias;
     7.3. Menor número de gols sofridos;
     7.4. Maior número de gols marcados;
     7.5. Saldo de gols;
     7.6. Menor número de cartões vermelhos;
     7.7. Menor número de cartões amarelos;
     7.8. Sorteio público.
     Entre três ou mais equipes:
     7.1. Maior número de vitórias;
     7.2. Menor número de gols sofridos entre si;
     7.3. Maior número de gols marcados entre si;
     7.4. Saldo de gols;
     7.5. Menor número de cartões vermelhos;
     7.6. Menor número de cartões amarelos;
     7.7. Sorteio público.
     8. PREMIAÇÃO
     8.1. A Premiação será oferecida pela FUNPEEL.
     8.2. Troféus para a equipe campeã, vice-campeã e terceira colocada;
     8.3. 30 medalhas para o primeiro, 30 medalhas para o segundo e 30 para o terceiro colocado;
     8.4. Troféu para o artilheiro;
     8.5. Troféu para o goleiro (defesa) menos vazado,(quatro finalistas);
     8.6. Troféu para o destaque da Final, um para cada time;
     8.7. Troféu para a equipe mais disciplinada. (Tendo como peso cartão amarelo=1 e vermelho = 5), (quatro finalistas).
     9. ARBITRAGEM
     9.1. A equipe de Arbitragem e o Delegado da partida serão escalados pela Comissão de Arbitragem da Liga Pomerodense de Desportos – LPD, obedecendo ao contrato de prestação de serviços, conforme licitação e legislação em vigor. A taxa de arbitragem será subsidiada pela FUNPEEL para os jogos em que as equipes pomerodenses forem mandatárias.

     10. RESPONSABILIDADE DO MANDATÁRIO
     10.1 O mandatário da partida será responsável pelas medidas de ordem administrativa e técnica, indispensáveis à segurança no estádio, no campo de jogo e à normalidade do trabalho da arbitragem e demais envolvidos na realização da competição.
     10.2. É de responsabilidade da equipe mandatária fornecer, três bolas aprovadas pelo árbitro da partida, dois gandulas, maca, dois maqueiros e dois seguranças contratados, os quais deverão ser de empresa especializada.
     10.3. Em todos os jogos serão contratados dois seguranças pela equipe mandatária e, na final ida/volta a FUNPEEL contratará mais dois, totalizando quatro seguranças, os quais permanecerão dentro das quatro linhas do campo de jogo, à disposição da arbitragem.
     11. COMISSÃO DISCIPLINAR DE JUSTIÇA DESPORTIVA
     11.1. A Comissão Disciplinar de Justiça Desportiva, nomeada através da Portaria 005/16 de 14 de Março de 2016 do Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol – TJD/FUT/SC.
     11.2. Todas as infrações disciplinares cometidas por Clubes, atletas ou dirigentes inscritos nessa competição, dentro ou fora do campo, uniformizado ou não, serão julgados pela Comissão Disciplinar de Justiça Desportiva, ficando seus autores sujeitos às penalidades previstas neste regulamento e em conformidade, com o Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).
     11.3. A equipe que não apresentar o número legal de 07 (sete) atletas para iniciar a partida, ao completar o tempo de tolerância de 15 (quinze) minutos, o árbitro fará o relatório e encaminhará com os demais documentos da partida, para o Departamento Técnico da LPD, que após análise enviará para a Comissão Disciplinar, para o devido julgamento.
     11.4. Após cada julgamento, as decisões das punições impostas pela Comissão Disciplinar de Justiça Desportiva serão enviadas por e-mail a todos representantes das equipes e servirá para a confirmação e cumprimento das penas, bem como para conhecimento e ciência dos demais.
     ÚNICO: As defesas à Comissão Disciplinar de Justiça Desportiva poderão ser por escrito, e protocoladas na sede da Liga Pomerodense de Desportos - LPD, após receber a citação de infrator até a data do julgamento, no período vespertino das 14:00 (quatorze) às 16:00 (dezesseis). Taxa de recurso: R$ 300,00 (trezentos reais) a serem pagos, através de boleto fornecido pelo setor de tributação da Prefeitura Municipal de Pomerode.
     12. CARTÕES
     12.1. O atleta que for expulso de campo ou do banco de reservas (cartão vermelho) ficará automaticamente impedido de participar da partida subsequente deste campeonato e ainda poderá ser julgado, após análise da Comissão Disciplinar de Justiça Desportiva dos documentos da partida, quando necessário e em conformidade com CBJD.
     12.2. O atleta que for advertido, com a exibição do cartão amarelo, por três vezes, ficará impedido, automaticamente, de participar da partida subsequente.
     12.3. O controle da contagem do número de cartões amarelos e vermelhos recebidos pelo atleta é de exclusiva responsabilidade das equipes participantes deste campeonato.
     12.4. O atleta que numa mesma partida, receber uma advertência (um cartão amarelo) e posteriormente, receber a segunda advertência (segundo cartão amarelo), com exibição do cartão amarelo antes do cartão vermelho, vindo a ser expulso na partida, ambas as advertências de cartão amarelo não serão computadas as três advertências (três cartões amarelos), que geram o impedimento automático.
     12.5. Quando um atleta for advertido com um cartão amarelo e, posteriormente, for expulso de campo com a exibição direta de cartão vermelho, aquele cartão amarelo inicial permanecerá em vigor, para o cômputo dos três cartões, que importarão em impedimento automático e, se for o terceiro da série, o atleta será penalizado com dois impedimentos automáticos, sendo um pela sequência de três cartões amarelos e outro pelo recebimento do cartão vermelho.
     12.6. Por partida subsequente se entende a primeira que vier a ser realizada àquela em que se deu a expulsão ou a terceira advertência.
     13. CRONOGRAMA DE DATAS DA COMPETIÇÃO
     13.1. A data para a entrega do termo de participação será dia 20/05/2016.
     13.2. A competição inicia no dia 03/07/2016.
     14. GERAL
     14.1. A comissão organizadora do campeonato expedirá nota oficial ou resolução para a boa e fiel execução do regulamento geral, técnico e disciplinar.
     14.2. Qualquer alteração no andamento do campeonato será divulgada através de resoluções pela comissão organizadora.
     14.3. A equipe Campeã e Vice Campeã ganham o direito de disputarem a edição 2017 do Interligas Vale do Itajaí.
     14.2. Os casos omissos, dúvidas na interpretação do regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora, baseado no Regulamento Geral de competições da FCF, CBF e CBJD.
     Homologado em Junho de 2016.-
     


02/06/2016

Presidência
 
Diretoria
 
Agenda
 
ANUNCIO